LAX - Los Angeles - USA

PT

Ora bem nem sei por onde começar, tanta coisa aconteceu neste layover que foi de 50h em vez de 24h. Talvez deva começar do início. Mmmm aqui vai:
Chegamos ao aeroporto de LAX, em Los Angeles por volta das 14h hora local, todos entusiasmados mas estourados depois de um voo de 15 horas e 55 minutos (em que descansamos 4 horas no compartimento para o efeito, sim só 4  horas de descanso!!)
Logo no aeroporto a miúda que era de LA foi barrada pela alfândega, onde a mandaram por ranhosisse passar no raio x e por isso perdemos uma boa meia hora do nosso precioso tempo em LA por termos de esperar por ela. 
Todos no autocarro partimos para o hotel. No caminho vi o que se vê nos filmes, as estradas largas, as palmeiras ao longo dessas mesmas estrada, as casa características baixinhas e os prédios poucos mas com as escadas de incêndio como se vê nos filmes.
Chegados ao hotel decidimos que iríamos fazer a tour no dia seguinte porque completamente mortos como estávamos todos já não tínhamos forças para visitar o que quer que fosse. Contudo, eu como estava toda elétrica por estar finalmente em Los Angeles e como estávamos numa área cheia de lojas e um shopping à volta do hotel decidi ir explorar a área a volta deste como geralmente faço, sozinha. E também tinha de comer portanto juntava o útil ao agradável. 
Fui ao shopping e já estava a praça da alimentação a fechar, decidi ver umas lojas e ir ao super mercado. Target é o nome de um que eu já queria ir à séculos mas que não há na Europa então ainda não tinha ido. Para ir ao Target teria que passar por dentro do centro comercial, e depois andar mais meio km e lá estaria. Assim fiz. Encontrei o super mercado e fiz as minhas comprinhas depois o que aconteceu foi que quando saí de lá já era de noite e o shopping já tinha fechado então não poderia voltar ao hotel pelo mesmo caminho. Pedi indicações a um segurança (TODA A GENTE nos estados unidos que esta a trabalhar nas lojas ou funcionários em geral falam espanhol) e este disse que é normal os turistas perderem-se nesta área depois do shopping fechar e chamou um colega que me acompanhou à porta do hotel. Um senhor mexicano muito simpático. Sim é verdade!! perdi-me logo na primeira noite em LA, não estava bem perdida porque tinha o mapa e saberia chegar ao hotel mas ia demorar o dobro do tempo ehehe :P 
Não dormi grande coisa, a diferença horária era de 11h para o Dubai já estava completamente trocada, deite-me eram umas 22:00h e as 06:00h da manha porque para alugarmos um carro para visitar a cidade tínhamos que estar no lobby do hotel no máximo as 06:45h ou não teríamos carro. Assim foi, alugamos um carro de 7 lugares, ou melhor eles alugaram que eu ainda não tenho carta e, por volta das oito e tal da manhã fomos rumo as praias. 
Primeira paragem: Venice Beach chegamos lá à custa do GPS, ainda era super cedo, fizemos uma caminha pela praia, vimos as lojas de comercio local onde comprei a minha mini prancha a dizer Venice Beach, assistimos a uns skaters a praticar o seu desporto favorito, darem show porque são mesmo bons naquilo e depois de passear por lá mais um tempinho e tirar muitas fotos partimos rumo a segunda paragem: Santa Monica
Lá fomos ao Santa Monica Pier que tantas vezes aparece em filmes, que não é nada mais nada menos que um pontão, famoso porque tem lá o parque de diversões Pacific Park e uma roda Gigante. Este estava cheio de famílias e turistas que como eu estavam a aproveitar o maravilhoso dia de sol. A esta altura do dia já não se aguentava de calor. Almoçamos por lá, comemos uns cachorros quentes e hamburgers (em roma sê romano) e depois partimos em direcção à terceira paragem. 
A terceira paragem era suposto ser Malibu beach mas, porque o condutor do nosso carro já tinha feito este voo várias vezes decidiu em vez disso mostrar-nos uma praia privada que ele conhecia perto dali, em direcção a Malibu. A praia era pequenina mas eu gostei muito. Tinha apenas uma família, um casal e um senhor que nos convidou a fazer Paddle Surf com ele mas como a água estava gelada e ninguém tinha bikinis tivemos que educadamente recusar. O que mais gostei nesta praia foi ver os golfinhos perto da costa a saltitar. Tenho pena de não ter aceito o convite só para poder ir para mais perto deles.
Depois das praias decidimos ir por Beverly Hills ver a Rodeo Drive onde foram gravadas partes do filme Pretty Woman. Eu senti-me exactamente como a Julia Roberts no filme, quando olhava para uma das montras daquelas lojas chiquérrimas com as portas fechadas a dizer: ''Visitas só por marcação'' e as senhoras lá dentro olhavam de volta para mim como se fosse um ET. Mas aquilo é bonito, tem mais ricos e carros descapotáveis por metro quadrado do que eu alguma vez vi, com as centenas de palmeiras  como nos outros sítios de LA e um ar muito limpinho. É digno de se ver. 
Depois daqui lá fomos nós ver o sinal de Hollywood com a ajuda do amigo GPS. Pelo caminho de Beverly Hills vi casas lindas de morrer, como se vê nos filmes (outra vez! tudo neste sítio parece um filme) e até chegamos a ver uma família a sair de um carro e os paparazzi à porta a tirar fotos deles (não faço ideia quem eram mas deviam ser famosos). Vimos também cercas de árvores enormes que não nos permitiam penetrar de maneira nenhuma na privacidade das casas. 
O sinal de HOLLYWOOD, é só uma palavra no meio do monte que não tem muito que se lhe diga, repleta de turistas a tentar encontrar o melhor lugar para a dita foto, porém o que está à volta deste é sim lindo. A paisagem é de cortar a respiração e tirasse eu as fotos que tirasse nenhuma fez justiça à beleza daquele lugar. 
Tiradas fotos mil, sozinhos ou em grupo, partimos para hollywood down town, onde é a Hollywood Walk of Fame que é onde estão os museus mais famosos como o Guinness World Records, Hollywood Wax Museum, Madame Tussauds  e as estrelas com os nomes dos famosos que contribuíram de alguma  maneira para a industria do entretenimento quer seja na área do cinema, teatro, televisão, entre outros. 
Aqui combinamos encontrar-nos passadas 3 horas e andei 3 horas sozinha a ver tudo e mais alguma coisa, a tirar fotos com as estrelas a entrar em todos os cantinhos que era possível entrar. Também fiz comprinhas, claroooooo e jantei no Hooters que é um restaurante cheio de empregadas de mesa super sexy que eu não conhecia, vi o menu do lado de fora gostei e entrei, quando dei por ela eram só miúdas de calções minúsculos cor-de-laranja e top branco a andar de um lado para o outro. Tinha imensos casais e outras mulheres a jantar por isso deixei-me estar. A comida estava 5 estrelas dentro da categoria. Recomendo. Depois regressamos ao hotel, de novo exaustos, dormimos a viagem toda, só me lembro de acordar com o meu colega a dizer ''Chegamos!''. Porque estava doentinha, sem voz, completamente afónica e ia agora ser o meu dia de aniversário o Hotel ofereceu-me uma sopinha quentinha depois de ir a recepção pedir algum medicamento para a garganta. Como a simpática senhora disse eu não devia estar doente no meu aniversário. Fui para o quarto e depois da rotina diária de banho e lavar os dentinhos fui para a cama. 
No dia seguinte acordei ainda mais cedo. Eram 05:00 quando olhei para o telefone. Não conseguia adormecer quando oiço o skype a chamar, era o meu priminho Tomás, o primeiro a dar-me os parabéns, falei com ele e com os meus tios, contei-lhes tudo sobre Hollywood e depois desliguei porque a minha mãe também me estava a ligar. Falei com ela e com os meus tios, todos me deram os parabéns, começou logo bem o dia. Mais tarde falei com a minha irmã e depois pelo facebook com alguns amigos. 
Porque era super cedo voltei a deitar-me e dormi até ao meio-dia, porque sei o quanto é importante dormir antes de um voo de 16 horas que acabam por ser umas 18 ou 19h de trabalho. 
O voo correu super bem, cheguei ao Dubai, o meu dia de aniversário já tinha acabado com a tal diferença de 12h para o Dubai.(quero acreditar que este ano não envelheci porque não tive dia de aniversário)
A minha Crew era 5 estrelas, juntaram-se todos (como nós habitualmente fazemos para qualquer colega) e ofereceram-me presentes e ao chegar ao avião tinha um bolo de aniversário oferecido pelo Catering a dizer : Happy birthday Ana. 
Foi um dos meus melhores Layovers, se tinha Rio de Janeiro como meu local a viver em segundo lugar na minha lista passou para terceiro. LA está agora em segundo com um ambiente super relaxado, em que toda a gente anda de bicicleta, skate ou faz surf e onde eu definitivamente não me importava de morar.































































 O hotel:


















Espero que tenham gostado, vejo-vos na próxima cidade! 

Beijinhos





Comentários

Mensagens populares